media_22112017_113737gravidaA realização do “exame do cotonete”, que detecta a bactéria Streptococcus B em gestantes, será estimulada por hospitais ou maternidades públicos ou privados, do estado do Rio. É o que determina a Lei 7789/17, de autoria do deputado Dr. Deodalto (DEM), que foi sancionada pelo governador Luiz Fernando Pezão e publicada no Diário Oficial do Poder Executivo, de quarta-feira (22).

De acordo com a norma, o exame deverá ser realizado entre a 35ª e a 37ª semana de gravidez. O seu resultado determina se a gestante precisará ser medicada com antibióticos antes do parto.

O deputado explica que a bactéria pode ser inofensiva para as gestantes, porém, letal para os recém-nascidos. “É um exame simples que, se detectada a bactéria, permite que a gestante seja tratada corretamente com antibióticos. Quando não há tratamento, em muitos casos os bebês morrem por infecção generalizada.”

Fonte: ALERJ
Compartilhe!