whatsapp-image-2018-06-07-at-16-38-09Começaram na tarde desta quinta-feira (07), os trabalhos do Fórum Sergipano de Direito Eleitoral, apoiado pela União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale) e promovido pela Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) e pelo Instituto Brasileiro de Direito Eleitoral (Ibrade), em Aracaju/SE.

“Transparência como o caminho da cidadania” é o foco central deste grande debate que está sendo realizado no Teatro Tobias Barreto. A cerimônia de abertura teve a presença de cerca de 700 participantes entre painelistas, parlamentares, estudantes, servidores legislativos, ministros, juristas e grandes personalidades do direito eleitoral.

A mesa de abertura foi presidida pelo presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe, deputado Luciano Bispo (MDB-SE), que ressaltou a importância da realização deste encontro para discutir o processo eleitoral. “Nós sergipanos ficamos lisonjeados de poder contar com a presença de todos aqui no Fórum. Vamos discutir temas que estão diretamente ligados ao processo eleitoral, contando com a sabedoria e perspicácia dos palestrantes”, agradeceu.

Os painéis deste primeiro dia de evento contaram com a ministração de palestras de figuras de renome nacional, como o ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral e presidente do Ibrade, Henrique Neves – que falou sobre o Aperfeiçoamento dos Sistemas Eleitorais e Avanços na Participação Política – e dos juristas, Jamile Coelho, Rafael Nagime e Tiago Ayres, que trataram dos Desafios para a Democracia; Democracia e as Limitações ao Poder de Escolha do Eleitor e a Reelegibilidade e a Administração Pública em Ano Eleitoral, respectivamente.

Henrique Neves começou a explanação dizendo que é preciso mais consciência sobre a importância da política. “Nós temos que achar os trilhos e colocar o país inteiro no rumo do desenvolvimento e da democracia através da política. Não existe outra solução. A política é o caminho mais viável de alcançarmos o avanço nacional”, destacou.

whatsapp-image-2018-06-07-at-16-38-10Para o ex-ministro, “os eleitores têm que estar ativos com o dinamismo do processo político e os candidatos ainda mais, pois cada ponto do processo é fundamental para a escolha dos representantes que estarão no poder”. Ele também falou da relevância dos recursos direcionados para a propaganda eleitoral e da melhoria nos parâmetros da democracia e da política.

Diversos assuntos que compõem o pleito deste ano e as regras eleitorais ainda serão debatidos hoje. O panorama sobre a inelegibilidade e as candidaturas avulsas estarão entre eles.

Participaram do evento o presidente da Unale, Ciro Simoni (PDT-SE), e os representantes da entidade, Goretti Reis (PSD-SE), Georgeo Passos (Rede-SE) e o Pastor Antônio dos Santos (PSC-SE). Para o deputado George Passos, o Fórum “acontece em um momento crucial para toda a população e para os parlamentares de todo o Brasil, pois proporciona o aprofundamento do direito eleitoral no que interfere diretamente a classe política”.

Camila Ferreira/ Ascom Unale

Compartilhe!