Search
Close this search box.

reuniao_diretoria_julhoA diretoria Executiva da Unale retomou, na tarde desta terça-feira (2), a pauta de temas que marcaram as ações da entidade ao longo dos últimos anos, tais como a necessidade da reforma do sistema político atual e um novo pacto federativo. O encontro foi presidido pelo presidente, deputado Venâncio Fonseca, e foi realizado na sede da entidade, em Brasília.

A unificação das eleições continua sendo um dos temas de maior consenso entre os parlamentares presentes à reunião, face à economia de cerca de R$ 1,5 bilhões a cada dois anos.

A Unale aprovou, ainda, a criação de Comissão, com representantes dos 27 parlamentos legislativos, para formalizar proposições a serem encaminhadas ao Congresso Nacional. A entidade quer que as Assembleias promovam amplo debate junto à sociedade com o objetivo de unificar as propostas que atendam aos seus anseios.

Durante o encontro foram aprovadas as contas da XVII Conferência Nacional e o estabelecimento da agenda prévia de atividades até o fim do ano. A diretoria também aprovou a realização do 1º Seminário sobre a CPI da Telefonia, no dia 29 de agosto, na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul (ALRS), durante a próxima reunião.

Ainda nesta terça, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que serão necessários 70 dias para que se realize o plebiscito sobre a reforma política. Desta forma, a consulta pode ser promovida no dia 8 de setembro, desde que se cumpram todos os procedimentos para o plesbicito.

Participaram da reunião os deputados Alencar da Silveira (PDT/MG), Ana Cunha (PSDB/PA), Antonio dos Santos (PSC/SE), Cícero Magalhães (PT/PI), Charles Marques (PSDC/AP), Hermínio Barreto (PR/MT), José Lebrão (PTN/RO), José Luis Tchê (PDT/AC), Jorge Salomão (DEM/AP), Jota Pinto (PEN/MA), Luís César Bueno (PT/GO), Marcos Caldas (PRB/MA), Michel JK (PSDB/AP), Miki Breier (PSB/RS), Rachel Marques (PT/CE), Raniery Paulino (PMDB), Sandro Locutor (PV/ES), Sérgio Leite (PT/PE) e Zé Maurício (PP/PE).

Compartilhe!