Depois da reformulação que modernizou a linguagem dos 24 programas produzidos pela TV Alesp, chegou a vez da interatividade com o telespectador, que poderá opinar sobre a programação e, inclusive, pautar conteúdos. A chefe de conteúdo e mídias sociais da TV Alesp, Luciana Freitas, anunciou que o Jornal do Meio-Dia já está disponível no Youtube, Twitter e Facebook e, também, no Portal da Assembleia (www.alesp.sp.gov.br). Para acessá-lo, o espectador deve clicar no link Notícias, no menu da esquerda da página inicial do portal, e depois no link Assembleia SP Conteúdo, onde os programas já estão em formato adequado para a web.

Jornal da Assembleia
Escolhido como o primeiro programa da grade a ser disponibilizado nas redes sociais, o Jornal da Assembleia é exibido diariamente, das 12h às 12h30, e nasceu da necessidade de mostrar a dinâmica do Parlamento paulista e sua relação com a vida da população do Estado.

“Muitas vezes o eleitor não sabe a importância da Assembleia e como as leis que ela aprova têm relação direta com o seu dia a dia”, explica o diretor de jornalismo da TV Alesp, Paulo Raña, destacando também a importância do trabalho realizado pelo diretor artístico Moacir Ormastroni, responsável pelo novo visual do telejornal e dos outros 23 programas que compõem a grade de programação da tevê legislativa.

Paulo Raña lembrou de outra importante função do telejornal diário, que é informar a agenda das atividades parlamentares, serviço que visa ampliar a participação popular nas atividades da Assembleia e dos Poderes constituídos. “Com a divulgação da agenda do Parlamento, o cidadão que tiver interesse saberá o que está pautado para o dia, com local, horário e tema de cada atividade”, reitera Raña. Com a disponibilização dos programas na internet, o público que tiver dificuldade na participação presencial, poderá fazê-lo virtualmente, por meio de mensagens e e-mails.

Transparência e o acesso à informação
A diretora do De­par­tamento de Comunicação da Assembleia, Ana Claudia Carletto, enfatizou o foco no cidadão e o caráter de prestação de serviço público do canal. Ela reitera que há carência de informação sobre o trabalho que é realizado no Parlamento paulista, e que o objetivo dos veículos de comunicação da Alesp é garantir a transparência e o acesso à informação. “A modificação em curso não é só estética, com novos cenários, novas vinhetas, na grade de programação e, a partir de agora, com o conforto da multimídia, que permite ao cidadão acompanhar as ações dos seus representantes no parlamento com a utilização de tablets e smartphones, possibilitando sua participação em tempo real” informou Claudia.

Além da edição completa do jornal, o internauta poderá assistir a alguns programas que estão disponíveis no mesmo link do Portal da Assembleia e que, a cada semana, ganharão espaço nas principais redes sociais, a exemplo do que já acontece com o jornal.

Fonte: Agência ALESP

Compartilhe!