O arquipélago do Arvoredo, situado no litoral de Santa Catarina, foi tema de audiência pública promovida na Assembleia Legislativa pelos deputados federais Esperidião Amin (PP) e Rogério Peninha Mendonça (PMDB), na última  segunda-feira (09). Eles pretendem apresentar projeto de lei na Câmara Federal para transformar a atual reserva biológica do Arvoredo em parque nacional marinho, permitindo a visitação pública.

A classificação atual do Arvoredo como reserva biológica determina a preservação total dos recursos naturais, com permissões apenas para mergulhos e pesquisas científicas. Caso seja transformado em parque nacional marinho, o local poderá sediar atividades de turismo, recreação e educacionais, mas ainda serão proibidas construções e pesca no local.

Segundo Esperidião Amin, a criação da reserva, em 1990, foi feita de forma arbitrária e não levou em consideração os interesses das comunidades dos municípios do entorno do arquipélago. A mudança para parque já foi tentada em outras três ocasiões (1997, 2001 e 2011) e traz como vantagem o aproveitamento turístico das ilhas, como acontece em Fernando de Noronha.

Compartilhe!