A Comissão de Constituição, Legislação e Justiça (CCLJ) da Assembleia Legislativa de Pernambuco, aprovou, por unanimidade, a criação das Políticas de Incentivo ao Esporte Time Pernambuco e Passaporte Esportivo. Previstas no Projeto de Lei nº 901/2012, de autoria do Poder Executivo, as iniciativas têm como foco aperfeiçoar o potencial dos desportistas e descobrir novos talentos.

Por meio da Time Pernambuco, a gestão estadual concederá, a cada atleta e treinador, um auxílio financeiro mensal de R$ 1 mil. O benefício, no caso dos esportistas, deverá custear alimentação, educação e assistências médica, odontológica, psicológica, nutricional e fisioterápica. Além disso, para atletas e técnicos, o recurso deverá cobrir também as despesas com transporte urbano, aquisição de material esportivo e hospedagem em viagens.

De acordo com a proposição, não será contemplado quem for beneficiário do Programa Bolsa Atleta Estadual. Se optar pela Time Pernambuco, o jovem terá de atender a vários requisitos. Dentre os critérios, residir em Pernambuco há, pelo menos, um ano; ter idade suficiente para ingressar no ciclo olímpico; não receber salário de entidade desportiva e ser praticante de esportes reconhecidos pelo Comitê Olímpico ou Paraolímpico Brasileiro.

Compartilhe!