Foto: Wagner Guimarães

Durante a 24ª Conferência da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), o Parlamento Amazônico realizou Assembleia Geral para eleger uma nova Mesa Diretora. Na votação realizada nesta quarta-feira (24), a deputada do Amapá Edna Auzier foi eleita presidente.

“Temos oportunidade de fazer um bom trabalho. Quero representar a Amazônia e vamos cumprir uma missão juntos. Podem contar conosco, a Amazônia tem que ser respeitada. Tenho certeza de que temos um propósito. Vocês votaram em uma mulher que quer trabalhar muito pela Amazônia”, enfatizou em seu discurso após a eleição.

Além da deputada, foram eleitos para a direção do Parlamento Amazônico os deputados: Jair Montes (RO), Ribamar Araújo (RO) e Nilton Bandeira (TO) para vice-presidentes; Jório (AP) para tesoureiro; Lenir Rodrigues (RO) e Tayla Peres (RR) para a secretaria-geral.

Durante a conferência, os deputados participantes do Parlamento Amazônico compartilharam as experiências das Comissões Parlamentares de Inquérito (CPI) sobre energia elétrica na região Norte. Além disso, os parlamentares também falaram do cumprimento das emendas individuais impositivas – recurso instituído pela Emenda Constitucional 100/2019.

A presidente da Unale, Ivana Bastos (BA), esteve presente no início da reunião do Parlamento Amazônico e destacou a participação do grupo. “Vocês fazem parte da Unale, vieram em peso e são muito importantes para os debates dos Parlamentos”, disse. O grupo do Parlamento Amazônico reúne representantes do Amazonas, Acre, Amapá, Roraima, Rondônia, Mato Grosso, Pará, Maranhão e Tocantins.

Conferência da Unale

Considerado o maior encontro legislativo da América Latina, a 24ª Conferência da Unale apresenta como temática central “Unale 25+ – Redesenhando os Caminhos do Parlamento”. Na edição de 2021, realizada na cidade de Campo Grande em Mato Grosso do Sul, a entidade completa seu jubileu de prata. Esta é a primeira vez que o evento acontece em formato presencial e online.

Por Evellyn Abelha