nota-de-repudio_prancheta-1A União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais – UNALE, entidade que tem como uma das principais bandeiras desta gestão a defesa pela vida, repudia toda e qualquer ação física e virtual, que possa incitar o ato do suicídio e provocar as pessoas que são acometidas pela doença da depressão, tais como recente comentário realizado pelo influenciador digital, Carlinhos Maia, no último domingo, 1º de setembro, mês em que é promovida a campanha do Setembro Amarelo, em combate ao suicídio, no qual o mesmo disse: “Vai, imbecil. Vai se matar porque você nem começou a vida ainda. ”

Combater não só o suicídio, mas também a automutilação, tem sido o objetivo desta entidade junto ao Governo Federal e às 27 Casas Legislativas Estaduais e por isso, a UNALE tem realizado um ciclo de Seminário Regionais para ampliar e disseminar o debate acerca da temática em todo o território brasileiro.

Tendo em vista a seriedade deste assunto, a UNALE se manifesta contrária a este tipo de ação e propõe esta moção, para que a prevenção da vida seja discutida com afinco nos estados.

O parlamento estadual defende a liberdade de expressão, mas ressalva a cautela necessária para tratar e expor a opinião sobre um tema delicado e que deve ter a colaboração de todos os cidadãos para que os altos índices de suicídio no mundo possam ser reduzidos.

Ascom Unale
Compartilhe!