Na manhã do dia 24 de novembro, durante a 24ª Conferência da Unale, foi realizada a abertura do Encontro Nacional de Informática Aplicada ao Legislativo (Enial 2021), integrando os eventos simultâneos. Conforme o Presidente da Associação do Enial, Marcos Pontes de Aquino, a proposta é integrar profissionais da área de tecnologia das casas legislativas do país. “Este evento permite a troca de experiências e compartilhamento de informações para buscarmos as melhores soluções e discutirmos as práticas a se adotar em cada legislativo”, explanou o Presidente. Participam do encontro servidores das assembleias legislativas e a diretoria da associação.

A presidente da Unale, deputada Ivana Bastos (PSD-BA), visitou o Enial e parabenizou as equipes de tecnologia da informação. “Quando começou a pandemia, não sabíamos mexer com a ferramenta zoom, onde fizemos nossa primeira reuinão on line. Nós tínhamos muitas dificuldades e vocês, da área da tecnologia se reinventaram, foram em busca da tecnologia para nos apoiar e para que as casas legislativas funcionassem mesmo de forma remota. Agradeço a participação de todos vocês aqui e fico muito feliz com este encontro”, ressaltou.

O Presidente da Associação do Enial e também Coordenador de Transparência e Inovação de Projetos Especiais da Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo (ALES) fez abertura oficial do encontro relembrando a primeira edição, realizada em 1996. “Estivemos reunidos em Brasília-DF e depois disso os encontros aconteciam anualmente. Três anos depois, em 1999, realizamos um grande evento com a participação de 1.200 pessoas no Estado da Bahia. Foi um marco e um momento de fortalecimento do Enial, onde passamos a funcionar como uma associação”, recordou.

Em seguida, os participantes se apresentaram e um dos fundadores do Enial, Armando Velloso, que atualmente é Diretor de Tecnologia da Informação da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) comentou: “É com muito prazer e saudosismo que retorno aqui para este momento. Esperamos que novos encontros do Enial aconteçam novamente”, disse.

O participante do Enial, profissional de tecnologia da informação da Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo (ALES), Dorimar Mandatto, considera de extrema importância a participação no evento para trocas de informações e levantamento de novos projetos, além de possibilidades de realizar termos de cooperatividades. É realmente um network que faz muito sentido em todas as áreas legislativas”, salientou. Ele vai apresentar um projeto relacionado a inteligência artificial: a Alesinha – assistente virtual da ALES. “A nossa assistente virtual faz parte de um contexto de atendimento ao público, já fez mais de 8 mil da atendimentos para retirada de carteira de identidade, já trocou mais de 70 mil mensagens e já respondeu mais de 90 mil perguntas ao cidadão capixaba. Entendemos que além da transparência, dentro do nosso site da Casa de Leis, a Alesinha integra inúmeras outras partes de sistema. Toda a categoria de servidor público e usuário externo – o cidadão -, demanda a Alesinha como quiser”, explana Dorimar Mandatto.

De acordo com o Presidente da Associação do Enial, Marcos Pontes de Aquino, o momento pós pandêmico é a oportunidade de melhorar a prestação do serviço público por meio da tecnologia da informação. “Cumprimos o papel de aproximar pessoas que precisam estar distantes neste momento. A tecnologia cumpre esse papel e o Enial traz essa discussão do que está sendo feito nas casas legislativas. A tecnologia da informação sempre foi importante mas agora, em especial, percebemos que o legislativo não funciona sem essa área. Cada vez mais soluções precisam ser apresentadas neste tempo de distanciamento social para eliminar a necessidade de contato físico. Os serviços precisam continuar sendo prestados pelos legislativos estaduais mesmo de forma remota”, salientou Marcos Pontes de Aquino.

O ciclo de palestras foi iniciado com Fernando Mendonça que abordou a temática “Simplificando a produção de leis através da utilização de ferramentas BPMS – Business Process Management System”.

No decorrer da programação outras palestras serão ministradas. Na parte da manhã Marcos Pontes de Aquino falará sobre “A implantação de um Software de Processo Legislativo Eletrônico aderente ao modelo de requisitos do e-ARQ Brasil”. Em seguida, Frederico Bortolato abordará o tema “Aplicação do Repositório Arquivístico Digital Confiável (RDC-Arq) no âmbito do Legislativo”.

No período vespertino a primeira palestra será “Implantando a governança de TI com ITIL e ISO 20000 na Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais”, com Marcelo Migueleto de Andrade. “A Comunicação Unificada e a Interação com o cidadão, no âmbito do Poder Legislativo, através da utilização da Tecnologia da Informação” será o próximo tema explanado pelo Adriano Júnior Dias.

“A digitalização do atendimento ao cidadão na Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo por meio de Inteligência Artificial, vai ser o tema da palestra de Dorimar Mandatto. E “A Segurança da Informação na Era da Transformação Digital – Abordagens Modernas para Proteger as suas Informações”, será ministrada por Carlos Eduardo Brandão.

“O Enail apresenta palestras de extrema importância para área da tecnologia da informação. O Estado do Espírito Santo, por exemplo, apresentará uma aplicação de inteligência artificial aplicada ao legislativo. A Assembleia do Rio Grande do Norte, mostrará o processo legislativo implantado. Então vamos passar o dia debatendo e propondo soluções para os novos desafios impostos pelo cenário atual”, pontua Marcos Pontes de Aquino.

Por Aline Kraemer