O governador de Pernambuco, Eduardo Campos disse, em palestra na XVI Conferência Nacional da Unale na manhã desta quinta (31), em Natal, que as agências reguladoras estaduais têm que pressionar a agência nacional, Aneel, para que ela atue com mais rigor na fiscalização do padrão de energia elétrica das distribuidoras privadas. Ele analisou o tema Energia Renovável e citou exemplos desenvolvidos em seu Estado, como o Hospital Pelópidas Silveira, onde cerca de 15% de toda energia utilizada na unidade será obtida a partir da captação de energia solar e toda água quente utilizada também será aquecida pela luz do sol.

Campos enfatizou que é preciso uma ação conjunta dos Parlamentos Estaduais para capacitar as agências nos Estados. Para ele, as distribuidoras de energia do País têm lucrado muito e servido pouco ao consumidor.

Eduardo Campos, que esteve acompanhado do presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, deputado Guilherme Uchoa (PDT), acha que a agenda dos parlamentares deve ter também como meta a redução da tarifa de energia elétrica para casas e fábricas.

Compartilhe!