A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Telefonia Móvel da Assembleia Legislativa se reúne, nesta terça-feira (11), a partir das 14h, no Complexo de Comissões Técnicas da Casa, para elaborar uma agenda propositiva para o primeiro semestre. O colegiado também vai avaliar os trabalhos realizados em 2013. É a primeira reunião após o retorno do recesso parlamentar.

A Comissão foi instalada pela Assembleia com o objetivo de investigar denúncias de má qualidade dos serviços prestados pelas operadoras no Ceará.  O presidente da CPI, deputado Welington Landim (Pros), anunciou em plenário que os integrantes da CPI também pretendem decidir se o debate vai envolver os ministérios públicos Estadual e Federal.

A CPI da Telefonia Móvel já ouviu a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e as operadoras TIM, OI, Claro e Vivo, todas em duas oportunidades, e se reuniu com professores especialistas em telecomunicações da Universidade Federal do Ceará (UFC). Está entre as resoluções do colegiado um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para que as operadoras apresentem à CPI da Telefonia Móvel, em um período de seis meses, um relatório das melhorias do serviço no Estado.

A reunião da CPI da Telefonia Móvel pode ser acompanhada, além da TV Assembleia e da FM Assembleia, pelo site CPI.al.ce.gov.br. A Comissão conta também com um perfil no Facebook, sob o endereço facebook.com/cpimovelceara.

Fazem parte da Comissão, além de Welington Landim, os deputados Professor Pinheiro (PT), vice-presidente; Fernando Hugo (SDD), relator; Mirian Sobreira (Pros), Delegado Cavalcante (PDT), Idemar Cito (DEM), Danniel Oliveira (PMDB), Osmar Baquit (PSD) e Lula Morais (PCdoB).

Fonte: Agência ALCE

Compartilhe!