A Comissão de Direitos Humanos, Cidadania e Amparo à Criança, ao Adolescente e ao Idoso da Assembleia Legislativa de Mato Grosso realizou, em parceria com a Câmara dos Deputados, o Seminário Estadual de Políticas Públicas Contra as Drogas. O evento teve como objetivo promover estudos e proposições de políticas públicas e de projetos de leis destinados à combater e prevenir os efeitos do crack e de outras drogas ilícitas em Mato Grosso (Cedroga).

A Comissão de Direitos Humanos, Cidadania e Amparo à Criança, ao Adolescente e ao Idoso da Assembleia Legislativa de Mato Grosso realizou, em parceria com a Câmara dos Deputados, o Seminário Estadual de Políticas Públicas Contra as Drogas. O evento teve como objetivo promover estudos e proposições de políticas públicas e de projetos de leis destinados à combater e prevenir os efeitos do crack e de outras drogas ilícitas em Mato Grosso (Cedroga).

“O Estado precisa criar políticas de prevenção para dependentes químicos por meio de parcerias entre os municípios, o Estado e o Governo Federal. Para combater esse problema precisamos ter eficiência, pois somos cobrados pela sociedade e não atacamos as causas”, definiu o presidente da Comissão, deputado Emanuel Pinheiro (PR).

De acordo com o presidente da Comissão Especial na Câmara dos Deputados, deputado federal Wellington Fagundes (PR), esses debates são organizados pelos eixos que orientam os trabalhos da comissão, que têm como meta, prevenção, tratamento e acolhimento, reinserção ao tráfico e sugestões para legislação.

Compartilhe!