Mês de mobilização e conscientização sobre a epilepsia

Em março a Unale, através da Comissão de Saúde e da Frente Parlamentar Interestadual em Defesa dos Direitos das Pessoas com Epilepsia (FPIDP), apoia a campanha Março Roxo em alusão ao Dia Internacional de Conscientização sobre a Epilepsia, comemorado no dia 26 e popularmente conhecido como Purple Day.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a doença acomete em torno de 70 milhões de pessoas no mundo todo e 2% da população no Brasil. Estimativas de especialistas indicam que até 70% das pessoas com epilepsia no mundo não recebem diagnóstico e tratamento adequado.

O que é epilepsia?

A epilepsia é uma doença neurológica caracterizada por descargas elétricas anormais e excessivas no cérebro, que são recorrentes e geram convulsões. Para considerar que uma pessoa tem epilepsia, ela deverá ter repetição de suas crises. Portanto, a pessoa poderá ter uma convulsão e não ter o diagnóstico de epilepsia

O tratamento é indicado a partir da segunda crise. O objetivo ao utilizar medicação é bloquear as crises, visto que a doença não tem cura, eliminando a atividade anormal do cérebro, a fim de assegurar boa qualidade de vida para o paciente.

Início da campanha

A iniciativa internacional começou no Canadá, em 2008, baseada no relato da menina Cassidy Megan, que compartilhou seu sentimento de solidão por ter epilepsia. A cor roxa foi escolhida em alusão à lavanda, flor ligada ao sentimento de isolamento descrito por Cassidy.

Por Malu Souza/Ascom Unale

Compartilhe!