A Assembleia Legislativa de Goiás realiza nesta segunda-feira (27/06), a partir de 9h, audiência pública sobre “o impacto da terceirização da Saúde Pública no Estado de Goiás”. Contrário às privatizações de empresas de patrimônio público e defensor de debates democráticos, o presidente da Comissão de Direitos Humanos, Cidadania e Legislação Participativa da Alego, dep. Mauro Rubem (foto), é o idealizador da audiência.
A Assembleia Legislativa de Goiás realiza nesta segunda-feira (27/06), a partir de 9 horas no auditório Costa Lima da Casa, audiência pública sobre “o impacto da terceirização da Saúde Pública no Estado de Goiás”.  Contrário às privatizações de empresas de patrimônio público e defensor de debates democráticos sobre o assunto, o presidente da Comissão de Direitos Humanos, Cidadania e Legislação Participativa da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, deputado Mauro Rubem (PT/GO), é o idealizador da audiência.

A atividade tem como objetivo promover debate sobre o modelo de gestão apresentado pelo governo estadual, que permite a transferência dos serviços de saúde pública à iniciativa privada, dando-lhe autonomia de gerência para execução e prestação de serviços próprios do Sistema Único de Saúde (SUS). Na ocasião, também serão discutidas a situação do Hospital de Urgências da Região Sudoeste (HURS) e a insegurança e dificuldades vivenciadas pelos servidores dos hospitais que estão na mira das privatizações.

Para Mauro Rubem, gestão pública e eficiente é dever do Estado Democrático. “População e servidores não podem ter seus direitos violados. Sabemos que somente o Estado possui condições de ser isento o suficiente para garantir, integralmente, o direito à saúde de toda sociedade. Ao privatizar empresas públicas, o governo está fugindo dos preceitos do SUS para privilegiar grupos de empresários. Não podemos tratar a saúde pública como mercadoria.”, reforça o parlamentar.

Entre os convidados para a audiência, está o Governador do Estado, Marconi Perillo; o Secretário Estadual de Saúde, Antônio Faleiros Filho; o Secretário Municipal de Saúde, Elias Rassi Neto; o procurador-geral de Justiça do Estado, Benedito Torres; além de representantes das 28 prefeituras da Região Sudoeste do Estado; sindicatos e conselhos na área da saúde, trabalhadores, parlamentares, etc.

Serviço
Audiência Pública “O impacto da terceirização da Saúde Pública no Estado de Goiás”
Data: 27 de junho de 2011 (segunda-feira)
Horário: 9h às 12h
Local: Auditório Costa Lima – Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alameda dos Buritis, nº 231, Setor Oeste)
Informações para a imprensa: Wanja Borges – (62) 8459-6746

Compartilhe!