Por Carlos Lopes

Parlamentares da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) participaram nesta quarta-feira (10), na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, da caminhada em prol da Campanha Assine + Saúde. O projeto, de iniciativa popular, prevê que 10% dos tributos arrecadados pela União sejam destinados à Saúde Pública Nacional.

Para chegar ao Congresso, terão que ser recolhidas 1,5 milhões de assinaturas. A Assembleia de Minas já recolheu mais de 430 mil. Com o projeto “Caravana da Saúde”, o parlamento pretende passar por mais 12 municípios no Estado.

O presidente da ALMG, deputado Dinis Pinheiro, participou da caminhada e falou da importância da contribuição mineira para a ação. “Esperamos, dessa forma, dar uma preciosa contribuição, para que esse projeto de iniciativa popular possa chegar em Brasília, com dois, com três, com quatro, com cinco milhões de assinaturas, e assim tornar obrigatória o investimento de 10% por parte da união para a saúde pública”, afirmou.

Segundo o presidente da Comissão de Saúde da ALMG, deputado Carlos Mosconi, a caminhada é importante para chamar a atenção do governo federal. “Esse evento é importante por que vai chamar a atenção de Brasília, do Congresso, da Presidência da República e do Brasil inteiro”, enfatizou o deputado.

Ainda nesta tarde a comitiva se reúne na Câmara dos Deputados, às 14h, para a entrega simbólica do cheque com as assinaturas.

Compartilhe!