Parlamentares e representantes da região norte do país se reuniram nesta quarta-feira (29), na sede da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), em Brasília. O objetivo é fortalecer as cooperativas da região norte para que possam prover sustentabilidade e autossuficiência à região.

Parlamentares e representantes da região norte do país se reuniram nesta quarta-feira (29), na sede da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), em Brasília. O objetivo é fortalecer as cooperativas da região norte para que possam prover sustentabilidade e autossuficiência à região.

Os estados do Amapá e Amazonas foram os mais citados como  os que mais necessitam de investimentos nessa área. Os parlamentares querem a implementação do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) para financiar os projetos individuais ou coletivos e gerar renda aos agricultores. O programa, que é um sistema de crédito, possui as mais baixas taxas de juros dos financiamentos rurais, além das menores taxas de inadimplência.

A deputada estadual Marília Góes (PDT/AP), que é representante da Frente Parlamentar do Cooperativismo do Amapá, comentou a situação: “Queremos fazer uma reunião com a Frente Parlamentar do Cooperativismo (Frencoop) do Amapá para levar mais recursos para as cooperativas amapaenses”.

Ainda durante a reunião, foi apresentado um documento que será entregue no Ministério do Trabalho, que pede a legalização do sindicato das cooperativistas. De acordo com a deputada federal, Fátima Pelaes (PMDB/AP), esse documento era o que faltava para dar prosseguimento a legalização: “Era o que faltava para a legalização. Precisamos garantir que seremos atendidos com o que a legislação já permite”, afirmou.

Compartilhe!