Nesta primeira semana de agosto em Sergipe é realizada a campanha estadual de conscientização sobre a Atrofia Muscular Espinhal (AME). A data foi instituída pela Lei Nº. 8.746, de 09 de setembro de 2020, aprovada pela Assembleia de Sergipe.

O objetivo principal é esclarecer sobre os sinais que caracterizam a doença, bem como, conscientizar sobre a importância do diagnóstico precoce. Não existe cura para a doença que é degenerativa.

A AME é uma doença rara passada de pais para filhos e que interfere na capacidade do corpo de produzir uma proteína essencial para a sobrevivência dos neurônios motores, responsáveis pelos gestos voluntários vitais simples do corpo, como respirar, engolir e se mover.

Os principais sintomas são perda do controle e forças musculares, incapacidade/dificuldade de movimentos, locomoção, de engolir de segurar a cabeça e de respirar. A AME atinge em torno de um a cada dez mil pessoas.

Fonte: ALESE
Compartilhe!