corpo_38632_atendimentopostoidentificacaocivil10012020maxfonsecaA digital do povo em tudo que a gente faz. Cada vez mais a Assembleia Legislativa (Ales) faz jus ao lema adotado pela Casa e consegue trazer a sociedade para dentro do Palácio Domingos Martins. Em 2019 mais de 10 mil pessoas foram atendidas no Espaço Assembleia Cidadã, criado justamente para aproximar o Legislativo Estadual do povo capixaba.

O espaço – localizado no andar térreo – é composto pelo Procon Assembleia, Delegacia do Consumidor, Posto de Identificação Civil, Procuradoria da Mulher e Núcleo da Defensoria Pública. Este último iniciou suas atividades em novembro do ano passado e tem como objetivo prestar auxílio jurídico inicial para cidadãos considerados hipossuficientes.

De acordo com a coordenadora do Núcleo, a defensora pública Flávia Benevides, a parceria com a Ales vem sendo positiva e a expectativa é de ampliação da procura pelo serviço. “Embora seja um núcleo recente eu acredito que daqui pra frente a nossa demanda vá aumentar bastante a partir do momento que a população tomar conhecimento que a Defensoria está atendendo dentro da Assembleia”, avalia.

Um dos beneficiados pelo atendimento do Assembleia Cidadã foi o motorista Alessandro Vieira de Oliveira, morador de Serra. Ele veio trazer a filha Lívia Rodrigues de Oliveira, 12 anos, para tirar a primeira identidade e conta como foi a experiência. “Está sendo tudo rápido. A gente agendou pela internet e quando chegamos aqui já chamaram para entrar”, disse.

Chamou a atenção dele a variedade de serviços disponíveis no local. “É muito prático, muito bom para a comunidade. Agiliza muita coisa. Eu não sabia desses serviços, fiquei surpreso quando cheguei aqui e vi que tem outros atendimentos. Isso é muito bom”, ressalta.

Mutirão

Para marcar os dois anos de fundação do Procon Assembleia foi realizado um mutirão de renegociação de dívidas em novembro. Nos dois dias da ação foram quase 1 mil atendimentos, que terminaram em cerca de 70% dos casos em acordos que facilitaram as pessoas a quitarem seus débitos e organizarem a vida financeira.

A supervisora do órgão Giovanna Chiabai fala que a ideia para 2020 é promover mais ações neste sentido. “Este ano a gente pretende fazer pelo menos três mutirões. O primeiro com faculdades, planos de saúde, telefonia e lojas; o segundo com financeiras, bancos, EDP e Cesan; e o terceiro no final do ano englobaria todas essas empresas”, destaca.

Reconhecimento

E o Assembleia Cidadã vem dando tantos frutos que a Ales passou a ser exemplo para outras Casas Legislativas do País. Em setembro uma comitiva da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) veio ao Estado conhecer os trabalhos desenvolvidos por aqui.

Já o mês de novembro trouxe o grande reconhecimento pela iniciativa. A Casa conquistou o primeiro lugar na categoria “Atendimento ao Cidadão” da primeira edição do Prêmio Assembleia Cidadã, promovido pela União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale) e entregue na 23ª Conferência Nacional da entidade realizada em Salvador (BA).

Confira os números dos atendimentos:

Posto de Identificação da Polícia Civil: 5.900
Procon Assembleia: 3.412
Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor: 534
Procuradoria da Mulher: 305
Defensoria Pública: 81

Funcionamento:

Todos os serviços funcionam de segunda a sexta-feira

Procon Assembleia: das 10 às 18 horas
Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor: das 8 às 18 horas
Posto de Identificação da Polícia Civil: das 13 horas às 18 horas
Procuradoria da Mulher: 9 às 18 horas. Na terça-feira, das 13 às 18 horas é feito atendimento em parceria com a Defensoria Pública
Núcleo da Defensoria Pública: das 8 às 17 horas.

FONTE: ALES
Compartilhe!