Programação extensa da Semana Alusiva ao Coração Azul conta com capacitação, roda de conversa e panfletagem

A Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR), por meio do Programa de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania, realizará, a partir de segunda-feira (24), uma extensa programação alusiva ao Dia Mundial de Enfrentamento e Combate ao Tráfico Humano, comemorado anualmente em 30 de julho. A iniciativa reforça a rede de proteção da Campanha Coração Azul.

Conforme o cronograma de atividades, no dia 27, das 8h30 às 16h, no Plenário Valério Caldas de Magalhães, acontece o II Seminário de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas. Os interessados em participar do evento, com direito à certificação, devem acessar o site da Casa Legislativa (al.rr.leg.br/) e clicar no link disponível a partir desta quinta-feira (20) e se inscrever até 27 de julho.

“É importante que a sociedade civil organizada participe desse evento que vai explicar como funciona esse crime desumano e como agem os criminosos. De um lado, temos os mal-intencionados, que se aproveitam da vulnerabilidade das pessoas para oferecer promessas de uma vida melhor; do outro, pessoas ingênuas que acabam sendo cooptadas e condenadas à escravidão sexual ou de trabalho escravo. Precisamos combater, e a Assembleia Legislativa está empenhada nesta luta”, disse o presidente da ALE-RR, deputado Soldado Sampaio (Republicanos).

O coordenador do Centro de Promoção às Vítimas de Tráfico de Pessoas da ALE-RR, Glauber Batista, destacou que o seminário vai reunir muitas autoridades que discutirão o assunto com o intuito de fortalecer a rede de enfrentamento e proteção às vítimas deste crime, considerado hediondo.

“O seminário visa trazer várias autoridades para discutir a temática, porque o nosso principal objetivo na Assembleia Legislativa é trabalhar a prevenção, levando essa informação importante, esse alerta, por meio do projeto Educar é Prevenir nas escolas de ensino médio. Nosso principal desafio é que essa informação chegue a todos”, disse o coordenador.

Ele ressalta que, quanto mais informada for a população, mais atenta estará ao movimento dos criminosos, que estão em lugares distintos como escola, aeroporto e praças. “Há muitas subnotificações de casos. Nosso dever é levar a prevenção, para que as pessoas criem coragem e denunciem. A nossa expectativa é lotar o Plenário Valério de Magalhães. Todos estão convidados a combater o tráfico de pessoas”, reforçou Batista.

O coordenador reforçou que a programação da Semana Alusiva ao Coração Azul tem como finalidade sensibilizar a sociedade roraimense sobre a prevenção ao tráfico de pessoas. Além do seminário, haverá capacitação, roda de conversa e panfletagens no dia 30 em alusão ao Dia Mundial, Nacional e Estadual de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas.

A iniciativa conta com o apoio do Comitê de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes, Superintendência Regional do Trabalho, Rede Um Grito Pela Vida e a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Fonte: ALERR

Compartilhe!