A Assembleia Legislativa do Ceará, por meio do Memorial Deputado Pontes Neto, apresenta, entre os dias 10 e 20 de maio, no Espaço Expositivo da Casa, a mostra “Pandemias que Afetaram a História da Humanidade”. A abertura será nesta terça-feira, a partir das 10h30.

A curadora do Malce, Marinêz Alves Feitosa, explica que a exposição tem por objetivo lembrar​ todas as epidemias que ocorreram ao longo da história da humanidade, mostrando seus impactos sociais e econômicos na vida das populações. Destaca também a capacidade das pessoas para superar grandes desafios. “O interessante é observar o quanto o ser humano é capaz de superar as tragédias que podem afetá-lo e dar seguimento à sua vida, mesmo a despeito de perdas e tristezas”, observa.

A longa história de pandemias ocorridas em todo o mundo, com foco no Ceará, será exibida em 13 painéis, em textos sequenciais sobre tragédias humanas, além de dados estatísticos, imagens de arquivos e um site. O visitante terá uma visão panorâmica das pandemias do Estado, onde poderá constatar que o ser humano, além de ter sido acometido por doenças infecciosas desde a antiguidade, agora enfrenta novos desafios na área da saúde pública, devido à degradação ambiental.

De acordo com Marinez Alves, a mostra apresenta as grandes pandemias e endemias que assolaram o mundo, sobretudo as que causaram impacto direto no Ceará. Além da Covid-19, que matou cerca de 664 mil pessoas no Brasil e 27.944 no Estado, a epidemia de varíola foi uma das maiores de que a humanidade tem notícia. Ela teve sucessivas ondas ao longo da metade do século XIX no Brasil. No Ceará, a seca de 1877 a 1870 provocou um grande surto da doença, levando milhares de pessoas à morte. Num único dia, 10 de dezembro de 1878, Fortaleza registrou 1.004 mortes causadas pela epidemia da varíola.

A mostra também presta homenagem a 40 servidores que morreram por Covid-19.

SERVIÇO            

Exposição Pandemias que Afetaram a História da Humanidade

Local:  Espaço Expositivo da Assembleia Legislativa do Ceará

Horário:10h30

Duração da Exposição: de 10 a 20 de maio

Realização: Memorial Pontes Neto da Assembleia legislativa

Fonte: ALECE
Compartilhe!