conceicao_vieira_artigoConceição Vieira é deputada estadual pelo PT/SE

A XVII Conferência da Unale foi um sucesso como tem ocorrido a cada ano, trabalhamos muito para que este êxito fosse alcançado. Deixei a Presidência da Secretaria de Mulheres da Unale após dois mandatos, para assumir vaga no conselho deliberativo por Sergipe e intensificar a nossa participação representando as deputadas do Brasil na rede de mulheres das Américas. Fiz o que foi possível durante a nossa gestão, muito há por se fazer.

No evento simultâneo das mulheres realizado em maio deste ano, conseguimos extrair uma pauta de 11 itens extremamente importantes para fortalecer o trabalho das mulheres parlamentares estaduais do país:

1. Moção de repúdio a jornalista Danuza Leão pelo  artigo em que responsabiliza as próprias mulheres por serem vítimas de violência sexual.

2. Propor aos Estados, em especial aos que realizam grandes eventos, atenção redobrada nas politicas de prevenção a violência e ao trafico de mulheres.

3. Estimular a criação da Procuradoria Especial da Mulher nas Assembleias Legislativas.

4. Estimular as Câmaras Municipais a criarem Frentes Parlamentares de Monitoramento das politicas públicas para mulher.

5. Propor ao Poder Executivo medidas preventivas para a saúde da mulher, tais como: realização de mamografia preventiva  a partir dos 40 anos; prevenção e orientação a gravidez na adolescência; vacinação contra o HPV para meninas a partir dos onze anos.

6. Reforçar a periocidade de realização dos eventos da Secretaria de Mulheres da Unale.

7. Incluir nas politicas para mulheres a situação de exclusão das mulheres albinas.

8. Propor nos estados legislação própria de tratamento a à anemia falciforme.

9. Dar atenção especial aos debate da maioridade penal, destacando seus aspectos discriminatórios em relação ao jovem negro, pobre e que vive nas periferias.

10. Propor que no próximo encontro da Unale os eventos simultâneos aconteçam após a abertura oficial do evento.

11. Discutir no âmbito da reforma política com maior efetividade a participação das mulheres nas coligações, nos programas eleitorais, nas politicas de formação dos partidos no acesso aos recursos dentre outros.

Convém ressaltar que a moção de repúdio foi aprovada por unanimidade ainda na Conferência. Este pequeno resumo das atividades desenvolvidas pela Secretaria é um relato do trabalho desenvolvido por mim e pelas companheiras da direção Tenho a sensação do dever cumprido e estarei na COPA, para desenvolver o trabalho e a força da mulher.

Desejo continuar contribuindo para o fortalecimento das Mulheres nos espaços de poder, durante a nossa gestão na Secretaria, desenvolvemos atividades que contribuíram para dignificar o trabalho da mulher. Foram muitas atividade, palestras, debates, reuniões de comitês executivos, audiências públicas, etc.

Compartilhe!