proposta-de-logo-da-secretaria-de-mulherNa última quinta-feira, 25 de abril, a Vereadora Regina Barrach, da cidade de Pederneiras/SP, relatou à UNALE as agressões verbais que sofreu por parte do vereador Marildo Antônio Ruiz. A parlamentar, que foi eleita para presidir a Comissão Especial de Inquérito da Câmara Municipal, teve sua capacidade para presidir e sua integridade questionadas, além de ter sido agredida verbalmente com palavras de baixo calão, e ameaçada pelo vereador.

A Secretaria de Mulheres da UNALE, vem por meio desta, representar a indignação e repúdio à postura adotada pelo vereador, que faltou reiteradamente com o respeito não só com a vereadora, mas com todas as parlamentares do Brasil, manifestando seu ódio machista. As agressões covardes às mulheres parlamentares sempre partem de pessoas que não têm argumentos para discussão, portanto, desqualificados para o debate político. 

Nós parlamentares não podemos aceitar que situações como esta aconteçam nas Casas Legislativas e em lugar algum, pois a defesa dos direitos das mulheres cabe a cada um, mulher e homem. 

Assim, considerando os fatos gravíssimos e a função institucional da UNALE, apresentamos esta MOÇÃO DE REPÚDIO à agressão do vereador de Pederneiras/SP, contra a vereadora Regina Barrach.

Exigimos que o mesmo se retrate publicamente, que a Câmara Municipal tome providências cabíveis dentro regimento e que puna o agressor para que o fato não se repita.

Compartilhe!