whatsapp-image-2017-03-16-at-07-57-25A Comissão Especial da Reforma da Previdência da Unale, se reuniu na tarde desta quinta-feira (15), em Brasília. O objetivo do encontro era organizar a formulação de um documento com a representação da Unale sobre o tema, a ser entregue ao Congresso Nacional e à Presidência da República.

Essa é a segunda vez que o grupo de trabalho, criado em 2 de dezembro, durante a reunião da diretoria executiva da Unale, em Recife-PE, se encontra. Na ocasião, os parlamentares apreciaram alguns textos para a criação da proposta da entidade e também definiram o calendário de atividades em função das audiências e tramitação da reforma.

O presidente da comissão, deputado estadual Luís César Bueno (PT-GO), afirmou que o grupo se mostrou contrário ao conjunto da Reforma da Previdência. Com destaque para o tempo de contribuição e a idade mínima para aposentadoria. Além da equiparação de gênero e de carreiras, como professores, policiais e trabalhadores rurais. “A posição que a comissão da Unale vai defender é a necessidade de um debate maior e de se suspender o conjunto total do projeto, por entendermos que conquistas históricas estão sendo retiradas dos trabalhadores. Vamos entregar esse documento com as nossas conclusões para o Congresso nesta quinta-feira (16)”, informou o parlamentar.

Também estiveram presentes na reunião os deputados Antônio dos Santos (PSC-SE), Luciano Nunes (PSDB-PI),  Wasny de Roure (PT-DF) e Jorge Everton (PMDB-RR). Além de representantes da assessoria jurídica e parlamentar da entidade.

Marina Nery / Ascom Unale
Compartilhe!