alerr-23-10A diretoria da Unale (União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais) se reuniu em Brasília (DF) para tratar do planejamento da gestão após as Eleições 2018. O encontro foi realizado na terça-feira (16) na sede da instituição, em Brasília, e um dos assuntos tratados foi a autonomia dos estados brasileiros para elaboração das leis, de acordo com as particularidades de cada região.

O deputado Gabriel Picanço (PRB) é membro da diretoria da Unale e afirma que embora seja uma discussão que precisa ser amadurecida, a autonomia do Legislativo nos estados é uma luta que deve ser mantida.  “Essa é uma questão que não vamos resolver em curto prazo, mas é uma questão importantíssima que está sendo tratada em todas as reuniões para que não caia no esquecimento”.

O modelo defendido pela diretoria da Unale é similar ao adotado em países como os Estados Unidos. A proposta é descentralizar poderes do Congresso, enquanto as assembleias legislativas têm pouca autonomia para tratar de assuntos que, muitas vezes, são de interesse local. “Queremos uma emenda na Constituição Federal para elaborarmos nossas leis, assim como acontece nos países ricos”, explicou.

Com relação ao período pós-eleição, um dos temas da reunião, Roraima não será diretamente afetado porque os dois membros da diretoria, os deputados Gabriel Picanço e Jorge Everton (MDB) foram reeleitos e permanecem no cargo até a eleição da próxima diretoria, de 29 a 31 de maio do próximo ano, na Bahia (BA).

Fonte: ALERR
Compartilhe!