aleprsuperiorA Assembleia Legislativa do Paraná, em parceria com o Centro Universitário Internacional (Uninter), irá oferecer bolsas de ensino superior integral aos três primeiros colocados do 1º Concurso de Redação da Alep, promovido juntamente com a Secretaria de Estado da Educação (SEED) e com os professores do Projeto Eureka. O protocolo de intenções foi assinado na manhã desta terça-feira (6), no Gabinete da Presidência do Legislativo, em encontro que contou com a presença do presidente da Casa, deputado Ademar Traiano (PSDB); do 1º secretário, deputado Plauto Miró (DEM); da diretora da Escola Superior de Educação da Uninter, professora Dinamara Machado; do vice-reitor da Uninter, Jorge Bernardi; e do coordenador do Projeto Eureka, professor Marlus Geronasso.

De acordo com o protocolo assinado, as três melhores redações, dentre as 30 selecionadas para a etapa final do concurso, serão premiadas com uma bolsa de ensino integral para qualquer curso superior entre os 42 cursos à distância oferecidos pela Uninter. Duas bolsas serão destinadas a alunos do terceiro ano do Ensino Médio. Já a terceira bolsa será oferecida a um estudante do quarto ano do Ensino Médio técnico da rede estadual. “Nós estamos fortalecendo a vida dos jovens paranaenses através dessa ação. Queremos fortalecer, também, o Legislativo, com a presença dos jovens, para que eles possam despertar também o interesse político e perceber que o Poder Legislativo tem uma função importante no contexto da nossa sociedade”, afirmou Traiano.

Educação transformadora – A professora Dinamara Machado disse que o oferecimento das bolsas de estudo é apenas uma das maneiras da Uninter contribuir com a sociedade paranaense. “Participamos desse processo do Concurso de Redação da Alep desde as correções, quando oferecemos nossa estrutura de pessoal e salas de aula. E agora chegamos à etapa final dessa ação com o oferecimento dessas três bolsas integrais. Trabalhar com alunos do Ensino Médio, nessa parceria com a Assembleia, é cuidar das gerações que estão por vir”, ressaltou.

Segundo o professor Marlus Geronasso, essa premiação concretiza a ideia de ação social que modifica vidas por meio da educação. “É o princípio da educação transformadora que nos movimenta. Eu fico imaginando esses jovens que vão receber a notícia de que foram premiados com uma bolsa integral para fazer um curso superior. Isso é a educação transformando. Nós só temos a comemorar essa parceria entre a Assembleia, o Projeto Eureka e a Uninter”, comemorou.

A instituição – O Centro Universitário Internacional atua no mercado de educação há mais de quinze anos. Sediado em Curitiba, a instituição oferece 42 cursos à distância, 16 cursos presenciais e 180 modalidades de pós-graduação. Ao total, conta com 170 mil alunos em todo o Brasil. “A Uninter representa algo inovador em termos de educação, porque em qualidade, segundo dados do Ministério da Educação, somos a primeira em todo o Brasil. Então estamos felizes com essa parceria. É uma honra muito grande podermos participar dessa ação, junto com a Assembleia”, apontou Jorge Bernardi.

Concurso – O 1º Concurso de Redação da Assembleia foi promovido para estudantes de 14 a 19 anos dos 2º, 3º e 4º anos do Ensino Médio e Técnico dos 132 colégios públicos de Curitiba. O Concurso faz parte do projeto “Assembleia no Enem”, que conta também com o apoio da Secretaria de Estado da Educação (SEED), e teve como tema: “Como o cidadão pode participar de maneira efetiva das discussões e da elaboração de projetos de lei na Assembleia Legislativa do Paraná? ”. Mais de 48 mil alunos do Núcleo Regional de Educação (NRE) de Curitiba participaram do concurso e realizaram a prova nos colégios onde estudam.

Fonte: ALEPR

Compartilhe!