julho-amareloO Projeto de Lei 21.723/2015 do deputado  Bobô (PC do B)  que estabelece o “Julho Amarelo” e que tem como objetivo intensificar o combate às hepatites virais através de campanhas de conscientização no Estado da Bahia, já aprovado pela Assembleia Legislativa da Bahia, foi sancionado pelo governador Rui Costa.

Para o parlamentar, poder público e sociedade devem estar mais atentos a essas doenças silenciosas e muito pouco debatidas. “Estaremos atuando junto aos órgãos públicos e instituições para colaborar com uma maior divulgação do problema e o envolvimento de todos através de campanhas educativas e ações práticas”, afirmou.

Segundo Bobô, o projeto tem como objetivo mobilizar a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) e as secretarias de saúde dos municípios, além de entidades que trabalham o tema, para promover ações concretas de prevenção dessas doenças. O comunista lembra que a Organização Mundial de Saúde (OMS) designou, em 2010, o dia 28 de julho como o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais. Assim, o mês de julho tornou-se referência para o projeto.

As hepatites virais são doenças infecciosas sistêmicas que afetam o fígado e são consideradas umas das maiores preocupações da saúde pública. De acordo com a Sesab existem muitas pessoas infectadas na Bahia.

Compartilhe!