13_escola-do-legislativo_motivacao-571x381A Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), por meio da Escola do Legislativo José Lindoso, iniciará no segundo semestre Programa de Motivação do Servidor, que a partir do mês de julho irá promover atividades como oficinas, cursos e seminários visando o bem estar dos servidores do Legislativo Estadual. A iniciativa faz parte da política de capacitação que a Aleam oferece aos seus servidores e aos de órgãos parceiros para que eles possam servir melhor à sociedade.

De acordo com a diretora da Escola do Legislativo Senador José Lindoso, Jaqueline Ferreti, está sendo realizado um trabalho de pesquisa do perfil dos servidores para oferecer essas melhorias “Nós estamos fazendo um levantamento de dados em cada setor da Aleam para saber se estão motivados, quais são as necessidades dos nossos servidores e o que eles almejam, para definirmos as ações que serão oferecidas a partir do mês de julho visando o bem estar de todos”, explicou a diretora.

Como forma de testar e preparar essas atividades, a Escola do Legislativo ofereceu aos seus servidores no dia 15 de junho o curso de Kriya Yoga,  uma modalidade da yoga que proporciona o bem estar da meditação independente de religião. “A nossa intenção é que os servidores se sintam motivados tanto no trabalho quanto na vida pessoal, pois só assim estaremos promovendo a qualidade de vida para eles”, acrescentou a diretora Jaqueline Ferreti.

Outro teste realizado como preparação para o Programa de Motivação foram as turmas da Oficina de Motivação e Desempenho Profissional realizadas na segunda-feira (26), terça-feira (27) e na tarde desta quarta-feira (28). Foram três turmas que somaram um público de 60 servidores da Casa e de outros órgãos das esferas estadual e municipal.

Durante os três dias a Oficina foi ministrada pela coach e especialista em gestão de pessoas, Wanessa Juliana de Almeida, que explicou o que é a motivação partindo da teoria e prática, falando sobre os elementos que são fundamentais para ajudar nesse processo. “A sensação é de dever cumprido, eu fico muito feliz de poder contribuir desta forma para melhorar a vida dessas pessoas e por meio da oficina ter conseguido desmistificar alguns conceitos”, avaliou a professora.

Fonte: ALEAM
Compartilhe!